imagem com mulher abraçando criança especial. Texto da imagem: EDUCAÇÃO INCLUSIVA DEVE SER UM DIREITO DE TODAS CRIANÇA ESPECIAI

Mulher ao lado de criança com deficiência sorrindo. texto sobre a imagem: educação inclusiva deve ser um direito de todas as crianças especiais. Assinatura do deputado Aureo.

Projeto sobre a necessidade de contratação de professores de apoio especializados em educação especial

A criança com deficiência não pode ser privada de se relacionar em grupo, de trocar experiência e de viver a adversidade. Dessa forma, sendo a educação um direito social, este nos remete a princípios como os da universalidade, integralidade e equidade. Contudo, destaca-se a máxima :“devemos tratar igualmente os iguais e desigualmente os desiguais, na medida de sua desigualdade.”

Assim sendo, não basta colocar no papel que a educação brasileira é inclusiva, bradando uma vanguarda, sem preparar o espaço, sem capacitar o capital humano empregado nessa inclusão. Se de um lado nossa legislação nos faz parecer preparados para a educação inclusiva dos educandos com necessidades educacionais especiais, a realidade em sala de aula se mostra bem diferente “ Apresentei o PL 7212/2017, que altera a Lei de Diretrizes Básicas e cria o cargo de Professor de Apoio Especializado em Educação Especial. Com certeza ajudará muito os professores e dará as mães um pouco mais de tranquilidade e esperança em uma educação inclusiva.

Como é a educação da criança com deficiência atualmente?

Os educadores são “forçados” a aceitar alunos sobre os quais não têm compreensão de suas necessidades. Ora este professor poderá agir com boa vontade e tentar fazer o melhor, sem que isso seja necessariamente o correto. Não por má vontade, geralmente pelo simples fato de não saber como conduzir este aluno e não poder dedicar uma atenção especial a esses e deixar os demais desamparados.Neste sentido faz-se necessário a formação específica para estes professores, provendo para as redes de educação profissionais capacitados, e não somente cheios de boa vontade, para lidar com essa clientela especial e tão importante.

O projeto, altera a Lei de Diretrizes e Bases para que se torne um indutor da mudança nas demais instancias, seja estadual, municipal ou no setor privado. Propomos a criação do cargo de Professor de Apoio Especializado, valorizando as pessoas que se dedicam a nobre missão de estar ao lado daqueles que apresentam determinada diferença, mas querem crescer e aprender juntos.

É uma dificuldade escolher uma escola para matricular seus filhos, seja ela pública ou privada. Isto porque, apesar da maioria acolher as crianças, os professores enfrentam salas lotadas, falta de tempo para uma dedicação mais exclusiva e desconhecimento para lidar com certas deficiências.

Clique aqui e leia mais sobre educação especial!