Aureo apresenta emenda de R$ 4 milhões para saneamento no interior

Aureo apresenta emenda de R$ 4 milhões para saneamento no interior

Aureo apresenta emenda de R$ 4 milhões para saneamento no interior

O município de São Sebastião do Alto, no Centro Sul Fluminense, será beneficiado com obra de saneamento. Graças a uma ação do deputado Aureo, o córrego do Valão do Barro será canalizado e beneficiará milhares de moradores da região.

A emenda parlamentar, no valor de R$ 4 milhões, é uma iniciativa de Aureo junto a Fundação Nacional de Saúde (Funasa).

Como será a obra de saneamento?

O valor da emenda servirá para canalização do córrego, que fica no distrito de Valão do Barro. Atualmente milhares de moradores sofrem com enchentes na região. O prefeito da cidade, Tavinho Rodrigues, que esteve em Brasília para conseguir a liberação da verba, comemorou a conquista para a cidade.

“É um trabalho que começa a dar resultados, fruto de muitas conversas, e apresentando o projeto para os órgãos competentes e ao parlamentar, que lutou muito para que a obra saísse do papel. Agradeço muito o deputado Aureo pela emenda, tão importante para a cidade”, afirmou.

O convênio, assinado no fim do mês passado, contou com a presença do prefeito Tavinho Rodrigues, e o presidente da Funasa, Rodrigo Dias. visa reforçar o sistema de esgotamento sanitário da região.

Para o deputado Aureo, o interior do Estado precisa de mais atenção.

“Concentro muito do meu mandato pensando no interior do Estado. O diálogo com todos os prefeitos é fundamental para entender as necessidades da população. Essa emenda para saneamento básico é de extrema importância para a população do distrito de Valão do Barro. E é uma questão que o mandato tem uma preocupação, com emendas liberadas para diversas outras cidades do interior. O trabalho é em todo Estado do Rio”.

Saneamento é uma prioridade do mandato de Aureo. O parlamentar defende que parte da verba da saúde seja aplicada em saneamento, garantindo investimento e economia nos cofres públicos. De acordo com a Funasa, a cada real investido em saneamento, outros quatro deixam de ser gastos em saúde. Confira aqui.